<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d11610014\x26blogName\x3devidence+and+chlorine\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://claya.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://claya.blogspot.com/\x26vt\x3d-5922575046210966920', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

domingo, fevereiro 15, 2009

onde temos o amor entre as mãos



amor. tenho que te escrever isto amor. tenho as palavras entre as mãos e onde quer que estejas as palavras estão de mim para ti. desculpa amor, escrever-te. o teu corpo que tenho entre as mãos não é nada se o que tenho são as palavras dele, tens, que onde eu estou amor, é como se fosse o mundo inteiro, um só corpo todo ele as palavras, amor. amor, que estamos para onde estamos a ir, que o mundo inteiro nos separa e espera, amor, e as palavras então que tenho entre as mãos para onde as tenho que ir levar, amor. amor, leva-as contigo para onde vais que eu não as levo para onde eu for para que possas ficar com elas. amor. não sabemos o que temos entre as mãos, as minhas e as tuas se não as palavras para nos ajudarem a dizer o que temos. amor, que morram as palavras antes de nós. e que não sobre nenhuma que diga o que as nossas mãos escrevem.

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger ana salomé said...

...

extraordinário.
*

11 março, 2009 14:05  

Enviar um comentário

<< Home